sexta-feira, setembro 24, 2010

só há paraíso na infância

As crianças brincam contentes na Ilha Grande desconhecendo a anterior existência de piratas, degregados, buscadores de pau-brasil, saqueadores do ouro de Minas e portadores de doenças contagiosas naqueles areais límpidos e visões idílicas.

1 comentário:

beta disse...

pois, às vezes me dá vontade de ser interminavelmente criança de novo...